02/02/2018 Colaboradores vão receber 63,35% de Participação nos Lucros e Resultados da Cooperativa

A notícia referente ao benefício financeiro proporcionado aos mais de 9 mil colaboradores, PLR (Participação nos Lucros e Resultados), foi anunciada na manhã de hoje, dia 2 de fevereiro, durante a AGO (Assembleia Geral Ordinária). Na ocasião o Conselho Administrativo repassou aos presentes por meio do relatório anual, os resultados de cada negócio desenvolvido pela Copacol, bem como o desenvolvimento dos projetos sociais e a porcentagem de 63,35% de PLR aos funcionários da Cooperativa.

Além de prestar contas aos cooperados, colaboradores e demais presentes no evento, a diretoria executiva da Cooperativa destacou o papel fundamental de todos em cada resultado no ano de 2017 e enalteceu os desafios para 2018. “Mesmo em um ano de muitas instabilidades econômicas no Brasil, a Copacol apresentou um crescimento de 6,31%, que resultou em um faturamento de R$ 3,458 bilhões em 2017. Este positivo índice se deve a dedicação e ao empenho de todos, tanto cooperados, como colaboradores, que juntos contribuíram para o crescimento e fortalecimento das nossas atividades. Para 2018 temos metas importantes a serem atingidas e esperamos continuar contando com o apoio de todos nesta caminhada”, destaca o presidente da Copacol, Valter Pitol.

Iram Bragagnollo, auxiliar de controle do Matrizeiro de Iracema do Oeste, recebeu a notícia da distribuição das sobras através do e-mail corporativo e além de comemorar o resultado, já começou a fazer planos com o valor a ser recebido no mês de março. “Eu vejo este benefício como um importante diferencial para quem trabalha na Copacol. Não conheço outra empresa que faça isso, distribuir seus lucros com os funcionários e a Copacol faz. Trabalhar em uma empresa honesta e transparente como está me dá muito orgulho. Em relação ao valor do PLR, esse já tem destino certo pagar algumas contas e comprar o material escolar dos filhos. Se não fosse esse 14º salário que a Cooperativa proporciona para nós, certamente eu ficaria endividado, agora já posso respirar mais aliviado”, disse Iram.

Fique atento aos fatores que influenciam no recebimento do PLR

*Tem direito ao pagamento, os colaboradores devidamente registrados na Copacol e que constarem no quadro de colaboradores em 31/12/2017;

*Colaboradores contratados em 2016, que tiveram tempo de trabalho inferior a 12 meses, devem receber a participação proporcional ao tempo de trabalho no ano. Por exemplo, o colaborador que trabalhou 5 meses deverá fazer o seguinte cálculo: 63,35% dividido por 12 meses, vezes 5 meses trabalhados, igual a 26,39% de participação;

*Funcionários que permaneceram afastados durante todo o ano de 2017 não tem direito a participação;

*Média da remuneração mensal recebida em 2017;

*Horas/faltas: Será aplicado o redutor sobre o absenteísmo não justificado pelo colaborador (faltas descontadas na folha de pagamento, inclusive o descanso semanal remunerado), na proporção de 0,5% por hora falta. Acima de 199 horas/faltas, o colaborador perde o direito a participação;

OBS.:

*Horas extras e prêmio de produção não influenciam na participação dos resultados;

*Licença a maternidade não perde o direito na participação;

*Os funcionários contratados a partir de 1º de janeiro de 2018 não tem direito a participação.