09/11/2018 Copacol e Syngenta premiam alunos do programa Escola no Campo

Mais de 300 pessoas entre alunos, professores, representantes municipais e parceiros da Copacol e Syngenta, participaram da solenidade de premiação do concurso de frases e desenhos do Projeto Escola no Campo, realizado na manhã desta sexta-feira, 09, na Aercol em Cafelândia.

Com tema Meio Ambiente e Prevenção do Trabalho Infantil, o concurso passou por vários processos de avaliação até a seleção final de 140 melhores trabalhos. Estes alunos receberam uma mochila escolar e certificado de participação no programa.

Destes, 10 alunos com os melhores desenhos receberam uma bicicleta como reconhecimento pela dedicação ao longo do projeto. Foram eles: Letícia Moreira, da Escola Manuel da Nóbrega, de Cafelândia; Nicoli Dervanoski Berta, da Escola Santos Dumont de Nova Aurora; Agnaldo Feliciano Diniz, da Escola Professora Aparecida Rodrigues Carneloz de Iracema do Oeste; Sabrina Oliveira Farias, da Escola Teotônio Vilela de Jesuítas; Camily Maria Spingler, da Escola Carlos Drumond de Tupãssi; Maria Eduarda Melão, da Escola Nilza De Oliveira Pipino de Formosa de Formosa do Oeste; João Vitor Da Luz Prudente, da Escola Germana Afonso Moleiro de Quarto Centenário; Ana Clara Pelincer de Souza, da Escola José Jesus Cavalcante, de Goioerê; Vinicius Pereira dos Anjos, da Escola Manoel Medina de Rancho Alegre do Oeste; e Marcela da Sena de Oliveira, da Escola Professora Leonilda Prado de Moreira Sales.

Na categoria frase, os alunos premiados foram: Beatriz Franzão Santana, da Escola Carlos Drummond de Andrade, de Tupãssi; Andressa Dos Santos Teixeira, da Escola Professora Leonilda Prado, de Moreira Sales; e Laís Silva Morais, da Escola Ladislau Schicorski, de Goioerê.

Nesta edição, 1.161 alunos do 5º ano do ensino fundamental participaram do Escola no Campo e em 16 anos, mais de 13,5 mil crianças já passaram pelo projeto. Para o representante da Syngenta na região da Copacol, Darlan Simon, o número é expressivo e a responsabilidade é sempre grande.

“A cada ano nos surpreendemos com os trabalhos apresentados e temos a certeza de que estamos no caminho certo. O futuro destas crianças depende de iniciativas e projetos como estes que a Copacol e a Syngenta oferecem. Que possamos a cada ano construir um mundo ainda melhor”, afirma Darlan.

A secretária de Educação de Quarto Centenário, Alice Miyashita, destacou todos os projetos desenvolvidos no município que ajudam na evolução das crianças e adolescentes.

“Nós que acompanhamos estes alunos todos os dias, vemos a dedicação e o quanto os projetos em parceria com a Copacol vêm trazendo resultados para educação do nosso município. Só temos que agradecer a Cooperativa por tudo que tem feito por nossas crianças”, destaca Alice.

O presidente da Copacol Valter Pitol parabenizou todos os alunos pelos trabalhos produzidos e também os professores. “Juntos contribuímos para a educação dos municípios de atuação da nossa Cooperativa. Nossa preocupação é com o futuro das novas gerações e este programa é o resultado do trabalho de todos nós”, garante Pitol.

Ao final do evento, o público acompanhou a apresentação teatral dos alunos do município de Quarto Centenário, que encenaram a realidade de muitas cidades quanto a preservação do meio ambiente, conscientizando cada um dos participantes a continuar cuidando da natureza.